Outsourcing de informática

Outsourcing de informática

Outsourcing de informática é um termplo amplo utilizado que pode ser descrito como outsourcing de infraestrutura de ti (aluguel de infraestrutura de ti) ou apenas outsourcing de ti (terceirização de serviços de ti) com ou sem profissionais alocados.

Outsourcing de informática (aluguel de infraestrutura de ti)

Nesta modalidade, a empresa contratante tem a oportunidade de aluguar a infraestrutura de ti e economizar recursos para investimento no core business de seu segmento. Além do outsourcing de informática, geralmente a empresa que oferece este serviço também disponibiliza serviços de suporte técnico a empresa contratante.

Como exemplo de outsourcing de informática temos:

  • Aluguel de computadores
  • Aluguel de notebooks
  • Aluguel de monitores
  • Aluguel de impressoras
  • Aluguel de servidores
  • Aluguel de roteadores
  • Aluguel de switchs

Além disso, existem empresas que alugam até mesmo periféricos como webcams, teclado, mouse,etc.

Outsourcing de ti (terceirização de serviços de ti) sem profissionais alocados

Neste tipo de prestação de serviço de ti, a empresa contratante pode pagar mensalmente pelos serviços prestados ou ainda pagar somente quando necessitar do suporte em ti. Para empresas que não querem surpresa ou possuem uma demanda significativa, geralmente pagam um valor mensal e tem direito a chamados ilimitados. Algumas empresas que prestam este tipo de suporte técnico em ti acabam por limitar o número de chamados e cobrar por atendimentos adicionais.

Uma desvantagem de não oferecer chamados ilimitados aos clientes é que mesmo pagando mensalmente o cliente pode acabar por ter surpresas com muitos chamados adicionais a média. Além disto, com número de atendimentos limitados, todo mês deve-se ter um controle exato da quantidade de chamados prestados para verificar se passaram ou não a quantidade oferecida.

Um outro ponto negativo de não oferecer atendimentos ilimitados são os chamados que são cobrados adicionais e que não são atendidos de forma plena e que precisam de novos chamados para atendimento efetivo. Um exemplo seria uma solicitação referente a um computador que está lento, o serviço foi executado e em menos de 30 dias apresentou o mesmo problema. Neste cenário como fica a cobrança adicional? O cliente paga um valor mensal por chamados limitados, paga por chamados adicionais e como ficam os chamados adicionais de serviços de ti que não foram fechados de forma satisfatória?

Para 1 ou 2 chamados talvez seja fácil gerenciar, mas imagine ter de lidar com mais de 10 chamados de ti em circustâncias parecidas (que apresentaram o mesmo problema em menos de 30 dias)?

Desta forma, por experiência, sempre aconselhamos a cobrar um valor fixo por chamados ilimitados de suporte de ti pois terá meses que haverá mais serviço e meses que haverá menos serviço, procure encontrar uma média e oferecer atendimento ilimitado de outsourcin em ti.

Outsourcing de ti (terceirização de serviços de ti) com profissionais alocados

A Lei 13.467, de 13 de julho de 2017, com início de vigência ocorrida em 14.07.2017, alterou a Consolidação das Leis do Trabalho e as Leis 6.019/1974, 8.036/1990 e 8.212/1991, a fim de adequar a legislação às novas relações de trabalho.

Mesmo antes da legislação ampliar a terceirização de uma forma geral, o outsourcing em ti com profissionais alocados já era praticado por muitas empresas.

Veja abaixo uma lista de profissionais que podem ser alocados:

  • Administrador de banco de dados (DBA)
  • Administrador de rede
  • Analista de segurança da informação
  • Analista de cpanel
  • Analista de suporte Linux
  • Analista de suporte Mainframe
  • Analista de suporte técnico
  • Analista de suporte Redes
  • Analista de suporte WHM
  • Analista de suporte Unix
  • Técnico de hardware
  • Técnico de telecomunicações
  • Webdesigner
  • Webmaster

Basicamente qualquer profissional da área de ti pode ser terceirizado gerando expertise ao negócio e redução de custos a empresa contratante. Vale lembrar que ao alocar os profissionais de ti, a empresa contratada torna-se responsável por todas as questões trabalhistas.

Além de se livrar de processos trabalhistas, uma boa contratação em ti gerará menos burocracia na hora da demissão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *